Culinária

publicidade

Chocolate contém pedaços de baratas e outros insetos

Cada barra de chocolate contém, em média, oito pedaços de baratas.
Foto: Getty Images

Provavelmente não será muito agradável ler isso logo após a Páscoa, mas de acordo com a Food and Drugs Administration (FDA), órgão que controla alimentos nos EUA, cada barra de chocolate contém, em média, oito pedaços de baratas. As informações são da ABC News.

Ainda segundo a FDS, todos os alimentos possuem contaminantes naturais e esses números são considerados normais. Para eles, um chocolate de 100 g pode ser comercializado com até 60 pedaços de insetos.

Claro que as baratas não fazem parte dos ingredientes, mas traços e partes de insetos são moídas com o doce e podem afetar pessoas com alergias e asma. Alguns efeitos colaterais incluem dores de cabeça, comichão ou urticária.

Para quem ficou com nojo e pensa em tirar o chocolate do cardápio, os insetos não são exclusividades deste doce. Amendoim, macarrão, frutas e queijos também estão sujeitos a mesma contaminação.

Para consumir alimentos sem vestígios de insetos, os produtores teriam que usar mais pesticidas, mas o alergista Morton M. Teich acredita que são muito piores do que comer baratas."Evitar insetos na comida é quase impossível. Você provavelmente teria que parar de comer completamente", declarou o médico.

Terra