publicidade

CNN: conheça as 10 comidas mais reconfortantes do mundo

Depois de dias difíceis, recorrer a comidas reconfortantes é mais comum do que se imagina Foto: Getty Images
Depois de dias difíceis, recorrer a comidas reconfortantes é mais comum do que se imagina
Foto: Getty Images
 

Depois de um dia frio e chuvoso, você chega em casa encharcado, sua empresa passou por uma série de demissões, você acaba de ver novas rugas no rosto e ainda levou um fora. Quando tudo isso acontece, é natural procurar alguma coisa doce, ou salgada e feita em casa, ou seja, comidas que caem no estômago e fazem você se sentir melhor instantaneamente. Pensando nisso, a CNN listou as 10 comidas mais reconfortantes do mundo. Segundo a publicação, para receber esse "título" e ainda mostrar qualidade, a comida precisa ter alguns requisitos, como propriedades restauradoras, apelo sentimental e ser incrivelmente delicioso. Veja o ranking da CNN:

Sorvete: pense em qualquer comédia romântica hollywoodiana e lembre-se do que as pessoas fazem quando levam um fora. Comem um pote de sorvete. Considerado a alimento mais reconfortante dos Estados Unidos, ele é delicioso e nostálgico, leva a memórias da época de criança, como aos bons tempos de férias de verão e festas de aniversário. Além disso, é muito gorduroso, o que dá um sabor auto-destrutivo.

Nutella:  chocolate é a comida reconfortante mais popular da história, devido ao seu sabor absoluto e grande quantidade de açúcar. Por isso, a mistura de chocolate com amêndoas é a melhor fórmula já inventada. Em uma pesquisa feita na Itália, 100% das mulheres entrevistadas citaram a Nutella como a escolha certa depois de uma briga com o namorado ou um dia difícil no trabalho. A maioria prefere comer com pão ou na colher, mas as mais desesperadas gostam de comê-lo com os dedos mesmo.

Chilaquiles: o prato é definido como "lixo", pois é feito de tudo o que for possível encontrar na cozinha mexicana. A mistura é feita de tortillas, queijo, frango desfiado, ovos e qualquer tipo de salsa que pode ser encontrado. O prato é frequentemente consumido no café da manhã para acabar com os efeitos da ressaca de uma noite regada à tequila.

Kartoffelpuffern: no reino das comidas reconfortantes, a batata é rei. Seja frita, purê ou assada, ela é sempre sucesso. Mas é na Alemanha que ela se torna a preferida nas horas difíceis. O Kartoffelpuffern é uma espécie de panqueca de batata frita, coberta com purê de maçã e o toque especial, filés de salmão e bacon.

Macarrão com queijo:  a refeição é uma das mais tradicionais dos Estados Unidos e é preparada com massa, queijo tipo cheddar e assado com uma crosta de farinha de pão, que fica crocante. Várias marcas investem no prato rápido e ganham o coração de milhões de americanos.

Khichdi: uma mistura simples de arroz, lentilhas e temperos, tem feito pessoas sorrirem por séculos desde a Índia até o sul da Ásia e a Grã-Bretanha. Além de ser um alimento bastante nutritivo, ele se encaixa nas três escalas de comida reconfortante: é saboroso, é sempre uma boa pedida nos dias em que você não está se sentindo muito bem e traz muitas e boas lembranças da comida da casa da mãe.

Arroz com curry: é sucesso garantido na Índia, Tailândia e Reino Unido, locais em que o tempero amarelado está quase sempre envolvido nesse tipo de comida, talvez por causa do perfume, que acrescenta uma espécie de aromaterapia aos pratos. No Japão, o arroz com curry é considerado um fenômeno e um dos pratos típicos nacionais. É tão popular no país que é vendido em caixas, precisando apenas colocá-lo rapidamente na água para desfrutar da sensação de alegria que provoca.

Koshary: carboidratos estão entre as comidas mais reconfortantes devido a energia que provocam, espantando a depressão. O Koshary, uma das refeições mais consumidas no Egito, é uma bomba de carboidratos, preparada com lentilhas, cebolas fritas, macarrão, vinagre e shatta, uma molho de tomate, pimentão e pimenta. O prato, que é vendido em todas as esquinas do país, também pode ser feito em casa.

Sementes de girassol: elas são um alívio para o stress e desilusão dos russos desde a época dos czares. São tão populares que se tornaram mania nacional e estão para os russos como a goma de mascar e o cigarro estão para outras culturas: um momento de alívio em horas difíceis. Descascar as sementes e comê-las devagar pode ser uma espécie de terapia.

Cheesecake: o doce foi incluído na rotina de norte-americanos e canadenses como uma comida reconfortante por ser delicioso, cremoso e ter uma camada crocante. Além do sabor, outra característica é que a fruta que o acompanha deixa a sensação de que é saudável também. No entanto, o privilégio não é só da população da América do Norte, mas historiadores dizem que o doce foi criado na Grécia e que outras versões existem em todo o mundo.

Terra